Desejamos à todos vocês, amantes da literatura, um feliz dia do leitor!

Tumblr_m7f0x7nktx1r1st2fo1_500_large

M A S  A F I N A L,  O  Q U E  É  U M  L E I T O R?

"Definir o leitor é como definir o ser humano. É um conceito complexo assim como o verbo ler. É tão difícil tentar explicar o verbo ler quanto os verbos viver e amar. O que é amar? O que é viver? O que é ler? Pode-se apenas tentar chegar perto, mas o verdadeiro sentido continuará sendo interior, íntimo, pessoal. Só quem é leitor sabe o que é o leitor, mesmo que não consiga defini-lo, assim como quem ama sente o amar e quem vive entende o viver. E entenderá só de um leitor: dele mesmo, porque cada leitor é diferente e único. Não existe leitor-gêmeo nem leitor-clone.

O leitor é aquele que ama em silêncio, e como um cara solitário, sai em busca de uma companhia melhor que a sua. Quando não encontra na vida real, procura dentro do livro. O leitor precisa de alguém que o maravilhe contando coisas novas, histórias tristes, de amor, de guerra, de terror. Precisa de alguém que mostre terras que nunca conheceu ou conhecerá, épocas passadas ou caminhos para o futuro, que responda as suas dúvidas interiores, que entenda os seus problemas sem precisar confessá-los. Não que a vida real do leitor não seja interessante, mas ela não lhe é suficiente. O leitor tem uma fome insaciável: precisa sempre de mais vida pulsando dentro de si.

O leitor - não o livro - é semelhante ao bom vinho: fica melhor com o passar dos anos. Por isso, quando o leitor volta a um livro que lera ou tentara ler no passado, o encontra mais saboroso, interessante, diferente. Não foi o livro que atingiu a maturidade fermentando os seus parágrafos sorrateiramente enquanto estava esquecido na estante poeirenta, foi o leitor que envelheceu e evoluiu. Livros de bom gosto só apreciam leitores de boa safra.

O leitor não lê por obrigação, ler para ele, além de uma necessidade vital, é um prazer. Ele se apaixona junto com a mocinha e morre com o príncipe, trama astúcias com os vilões e voa nas asas dos anjos. É um eterno romântico, sem a necessidade de ser exclusivo: ama personagens, escritores, livros e muda o seu jeito de ser por causa deles. E mudando por dentro, muda também o que costuma ler. Mas também corre o risco de virar um releitor dos livros que o marcaram. Ser leitor é ser uma raça diferente dentro da raça humana, não melhor, não mais inteligente, apenas feliz e satisfeita de uma maneira divinalmente diferente."

Texto baseado no livro Como um Romance (ROCCO, 1993) de Daniel Pennac / Autor desconhecido.


11 Comentários

  1. Feliz Dia do Leitor......
    Beijos, Yasmin

    ResponderExcluir
  2. Primeiramente, Feliz Dia do Leitor. Adorei o texto, realmente resume o que nós, leitores, somos.

    Beijos, Júlia
    Declarações de Inverno

    ResponderExcluir
  3. Aah, li o texto no e-mail. ><'
    Não tive tempo de vir comentar antes...
    Espero que tenha aproveitado seu Dia do Leitor. O meu foi todinho lendo, não tenho pqe reclamar, haha. Férias, como eu te amo! *---*
    Parabéns a nós leitores, que continuemos assim, e que nossa saciedade nunca cesse! *-*

    ResponderExcluir
  4. Texto lindo demais!!!! Pena que tantas pessoas não conheçam esse maravilhoso mundo.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns atrasado para nós, míseros leitores sedentos por conhecimento!

    Bjkas
    Espero você: http://antesdeler.blogspot.com.br/2013/01/resenha-entre-dois-mundos.html

    ResponderExcluir
  6. Feliz dia do leitor atrasado :) Adorei a frase: "É tão difícil tentar explicar o verbo ler quanto os verbos viver e amar. O que é amar? O que é viver? O que é ler? Pode-se apenas tentar chegar perto, mas o verdadeiro sentido continuará sendo interior, íntimo, pessoal."

    ResponderExcluir
  7. Adorei o texto , e parabens pra nos (atrasado)

    ResponderExcluir

.