Livro: Half Bad
Título Original: Half Bad
Autor (a): Sally Green
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580575590
Páginas: 304


Sinopse: A história é sempre contada pelos vencedores, dizem. E Nathan, infelizmente, não é um deles. Na Inglaterra em que ele vive, bruxos e humanos dividem o mesmo espaço, sem, no entanto, se misturarem. Mesmo entre os bruxos, há os que se autodenominam bons, puro se justos — os bruxos da Luz —, e há, é claro, seus inimigos, aqueles que devem ser combatidos e aniquilados,a origem de todo o mal — os bruxos das Sombras. Nesse mundo dividido entre mocinhos e vilões, não ter um lado é pecado, e esse é exatamente o caso de Nathan, filho de uma bruxa da Luz com um bruxo das Sombras. É importante dizer que seu pai, Marcus, nãoé qualquer um, e sim o mais poderoso e cruel bruxo dasSombras que já existiu, acusado de ter matado a mãede Nathan e de espalhar o terror por onde passa. Vivendo com a avó e os meios-irmãos, Nathan é visto como uma aberração por seus pares e pelo Conselho dos Bruxos da Luz, que enxergam no garoto uma ameaça que precisa ser ou domada ou exterminada. E as coisas só ficam mais complicadas conformeo tempo passa, já que, ao completarem dezessete anos, todos os bruxos passam por uma cerimônia emque seu dom, o poder que carregarão por toda a vida,é finalmente revelado. Nesse momento se definirá seNathan é um bruxo da Luz ou das Sombras.E o tempo dele está se esgotando.Em Half Bad, acompanhamos a jornada errante efrenética de Nathan para encontrar o pai e, mais importante ainda, sobreviver. Mas como conseguir isso quando cada passo seu é vigiado e ninguém é confiável— nem mesmo a família, nem mesmo a garota que você ama? Com uma narrativa vívida e dinâmica, Sally Green constrói uma história arrebatadora sobre intolerância,racismo e os caminhos tortuosos que todos trilhamos rumo ao amadurecimento.

TRILOGIA "HALF LIFE"
    1.  Half Bad
    2.  Half Wild (sem previsão de lançamento)
    3.  Sem título divulgado (Sem previsão de lançamento)

Half Bad foi escrito por Sally Green e publicado no Brasil pela Editora Intrínseca no segundo semestre de 2014. Já com os direitos cinematográficos adquiridos pela Fox 2000, trata-se de uma trilogia chamada Half Life. O próximo livro da trilogia  será Half Wild, mas não há previsão de lançamento aqui no Brasil. Leia a resenha a seguir e saiba mais sobre essa nova série de bruxos que promete conquistar o mundo!

    Nathan é o único meio-código existente no mundo bruxo. Divididos em Bruxos da Luz e Bruxos das Sombras, ele acabara sendo um fruto de ambos os lados, sem nem mesmo saber qual essência lhe era mais característica. Sua mãe se matara pela vergonha e culpa de ter o tido, e seu pai, o maior e mais perigoso bruxo das Sombras, abandonara-o em sua má sorte.
    Era nas mãos dos Bruxos da Luz que Nathan sofria. Várias regras e sansões eram impostas a ele. Desde criança, evitava estar em lugares públicos, não tinha amigos e era proibido de viajar sem permissão. Contudo, Nathan tinha o apoio de sua família, composta por sua frágil e amável avó, e seus meio- irmãos. E havia Annalise também, uma bruxa da Luz pura, linda e adorável, componente de uma família preconceituosa e extremista.
    Annalise aceitava Nathan da forma que era, e sonhava com a futura liberdade do garoto. Mas não demorou muito para que seus irmãos descobrissem os encontros secretos que arquitetavam, e Nathan foi brutalmente torturado. Foi nesse episódio que descobriu que poderia se curar com rapidez...
    E mesmo assim, conforme crescia, tudo piorava. Com medo das características das Sombras que surgiam no corpo do menino, o Conselho impôs regras terríveis e acabou tirando a guarda de sua avó e o confinando a uma prisão “educativa” no meio de uma mata na companhia de uma rigorosa bruxa do Conselho.
    Nathan passou anos preso lá – em uma tenebrosa gaiola acompanhada por algemas – esperando pela vinda de seu poderoso pai, ou pela oportunidade de fugir. Seu aniversário de dezessete anos estava vindo, e logo, seria necessário que fizessem a cerimônia dos três presentes, no qual se tornaria um bruxo de verdade e ganharia seu poder em sua totalidade.
    Porém, a verdade era que o Conselho ainda não havia matado Nathan porque era uma possível arma contra seu próprio pai... Será que no fim das contas nosso protagonista mataria o maior bruxo das Sombras?

    Half Bad é um livro totalmente diferente do esperado. Repentinamente criei uma grande curiosidade ao ter contato com seus primeiros capítulos; a narração era extremamente diferente, com características que não encontrei em nenhum outro livro e os personagens tinham uma peculiaridade admirável.
    Foi possível perceber que Sally Green tem uma liberdade de escrita. Para ser sincera, acreditei, no inicio, que a autora tinha uma narrativa ruim, mal construída e informal demais, mas logo percebi que Sally uniu a personalidade de seu protagonista à narração em primeira pessoa. A informalidade fazia parte do caráter do jovem Nathan, assim como os termos e o modo de apresentar as cenas e acontecimentos. As frases pausadas, impactantes e quebradas advinham de uma ação proposital – que, aliás, acrescentou muito à história e aos personagens.


    E foi essa narração que me prendeu muito à Half Bad, pois era tão intrínseca ao próprio enredo e ao próprio personagem, que foi impossível me desligar desse livro. Nathan passa por inúmeras dificuldades e as narra de um jeito tão profundo e impactante, que toca o leitor e compõe uma grande simpatia neste. E essa própria narração se modifica conforme o personagem se modifica, demonstrando a grandiosidade e a sabedoria da autora ao escolher a primeira pessoa.
    A peculiaridade dessa obra também está estampada também nos títulos dos capítulos e no tamanho destes textos. Alguns têm somente três parágrafos, outros capítulos, tem títulos nada convencionais. Sally Green se permitiu sair das regras, se permitiu brincar com o tempo, com a narração e com os próprios personagens.
    O livro é dividido em 6 partes, que contam estágios diferentes da história de Nathan.  A primeira se concentra bastante na infância sofrida do personagem e evolui até o presente, de forma nada cansativa – nem muito lenta, nem muito rápida – e é nesse tipo de trama que muitos autores vacilam, pois não conseguem transmitir o passado com sucesso, com artimanhas e profundidade. Não foi o caso de Sally Green.
    Já as outras partes do livro contam com muito mais ação e acabaram conquistando muito mais o leitor. Nathan é um personagem muito bem construído, com suas qualidades e defeitos. Apreciei muito o protagonista e os antagonistas de Half Bad e digo que somente eles já fazem a leitura valer a pena.
    A trama desse primeiro volume é questionável em seu inicio, mas logo se mostra forte e prometedora. Gostei do desenvolvimento geral, ciente de que esse livro era mais introdutório e que o próximo parecia ter muito mais história e complicação. A obra foi surpreendente em seu clímax e em seu desfecho curioso.
    Mas o único defeito que encontrei em Half Bad foi exatamente sua criatividade. Essa série de bruxos estava, infelizmente, muito parecida com Harry Potter apesar de carregar uma mensagem e um objetivo diferente. Eram os detalhes que me incomodaram, como, por exemplo, o protagonista ter ausência de seus pais, sofrer com imposições e muito preconceito. Harry Potter também teve uma infância difícil, mas logo se destacou – Nathan foi igual. A divisão entre bruxos da Luz e das Sombras também foi um pouco semelhante. Em contra partida, não acredito em nenhum momento que Half Bad foi uma cópia – talvez, no máximo, inspirado – de Harry Potter.
    A própria trama desse livro não é tão excepcional, não é tão complexa, mas isso acaba sendo facilmente ignorado. O desenvolvimento deste é tão bem empregado, que a sua simplicidade em outros setores simplesmente não faz muita diferença.

[...] Tomara que sim. Porque, se vou morrer em uma cela, quero ter alguma coisa antes. Penso em Arran, em Annalise, nas viagens a Gales, em correr, em cada respiração; cada respiração tem que ser importante, preciosa, valiosa."

    O que mais gostei nessa obra foi sua mensagem principal, evidente desde os primeiros capítulos: O racismo e o preconceito. Mesmo que trabalhemos com um mundo fantástico, Sally Green quis demonstrar com clareza que a Luz, nem sempre é tão boa e justa, e que pode estar muito errada em suas convicções.       Foram justo os Bruxos da Luz – considerados puros, honrosos e extremamente bons – que fizeram Nathan arder em sofrimento, pelos preconceitos arcaicos que mantinham. E o pior era que todos achavam que estavam corretos em suas ações, que estavam fazendo o que deveria ser feito.
   O capa é aveludada, com letras alto-relevo e prata. A capa frontal é negra, enquanto a traseira é semelhante, porém, branca. A Editora Intrínseca acertou muito - e caprichou muito - na diagramação e na revisão de Half Bad! Além disso, a fonte da letra e a cor amarelada da página contribuirão muito para uma leitura satisfatória e sem interrupções. 
    De forma geral, apreciei muito essa leitura e espero ansiosamente pelo o segundo volume! Half Bad mostrou um mundo bruxo diferente do qual estamos acostumados e teve muito sucesso em apresentar um enredo completo e profundo, além de ter um objetivo e uma mensagem geral. Simplesmente ignorei qualquer erro e vacilo que houve nesse primeiro volume e indico esse livro a todos que gostam de livros juvenis fantásticos, principalmente aos fãs de Harry Potter e Instrumentos Mortais.

Primeiro Parágrafo: "Ali estão dois garotos sentados juntos, espremidos entre os braços da velha poltrona. Você é o da esquerda. "
Melhor Quote: "Mas sei que não adianta torcer por isso. Sei que ela vai ter um dom poderoso, como a maioria das mulheres, e que vai descobri-lo, aperfeiçoá-lo e praticá-lo. E usá-lo. Usá-lo em mim."


 


Livro: A Hora da Verdade
Autor (a): Neiva Meriele
Editora: Modo Editora
Páginas: 218
Sinopse: "Rafaela Donnelly e Fabi, sua irmã, deixaram para trás uma vida conturbada e cheia de mistérios para viver uma aventura e descobrirem quais eram os segredos que seu pai guardava a sete chaves. Mas na pequena cidade Bella Ciudad, fronteira do Brasil com o Uruguai, o destino de ambas muda completamente quando conhecem os irmãos Leonardo e Hector Martins. Para Leo, atrás da aparência fria e distante de Rafaela havia uma mulher doce e romântica, mas sua obrigação era vingar seu povo que fora vítima da maldade desta bela, porém, para conseguir seu objetivo teria que passar por cima da forte atração que os unia. Não seria tão fácil como planejara.... Já para Rafa era uma questão de tempo, até que aquele homem tão lindo, quanto arrogante, percebesse o tamanho da injustiça que cometera... Mas... por quanto tempo conseguiria manter seus segredos escondidos do homem para o qual entregara o coração?"


   A Hora da Verdade conta a história de Rafaela e Fabiana Donelly, duas irmãs que, na casa dos vinte anos, ainda sofrem com o pai super-protetor. O pai das moças é um homem muito rico, mas igualmente controlador: Rafa e Fabi sempre viveram escondidas da sociedade, pois o pai nunca quis que soubessem que ele possui família o que, na opinião dele, as protegeria. Elas tem apenas o direito de ir e voltar da faculdade, e são constantemente vigiadas por um segurança – além disso, vivem em uma casa ao lado da do homem, que é ligada pelos fundos a casa dele. 
  Entre anos e anos vivendo dessa maneira, em uma tarde as irmãs resolvem se revoltar contra o pai. Depois de algumas confusões, elas despistam o segurança e “provam” que não há como um simples guarda-costas protege-las. Quando, irado, o pai resolve trancar a faculdade das jovens e prendê-las em casa, eis que Fabi e Rafa conseguem criar um plano e, com sucesso, fazer o pai deixá-las viajar para longe por um tempo. 
  Com apenas um trailer e algum dinheiro, elas acabam parando durante o caminho em uma pequena e encantadora cidade, Bella Ciudad, na divisa do Brasil com o Uruguai. Adorando a atmosfera da cidadezinha, elas resolvem ficar em um hotel por alguns dias – e é já na primeira noite que, em uma festa, conhecem os irmãos Leonardo e Hector Martins. Os irmãos Martins são uma espécie de “anjos da guarda” da Bella Ciudad, e, bonitos e ricos, não demoram muito para conhecerem Rafa e Fabi. 
   Depois de uma noite de festa e felizes por terem se divertido, as irmãs voltam ao hotel, mas é a partir daí que a confusão começa a se desenrolar: Hector e Leonardo recebem várias ligações, no dia seguinte, sobre o dinheiro que Fabi e Rafa distribuíram pela cidade ser falso, além de serem acusadas de terem roubado uma fazenda. É nesse ponto que Leo decide tomar uma providência, e os irmãos prendem as meninas em sua fazenda até que elas confessem os crimes. 

  Quando recebi A Hora da Verdade, e preciso ser franca ao dizer, esperava algo completamente diferente do que encontrei. A obra me pareceu um romance doce, mas com um bom mistério, ou até mesmo uma espécie de new-adult, e estava ansiosa para a leitura. Infelizmente, deparei-me com algo nos padrões que havia pensado, mas com um desenvolvimento completamente diferente do esperado. Não via a hora de realizar a leitura, contudo, quando comecei, acabei me decepcionando com a história que encontrei. 
    A narrativa do livro é em terceira pessoa, e eu geralmente prefiro narrativas desse modo. Todavia, algo no modo como A Hora da Verdade foi narrado não funcionou desde o início do livro, em minha opinião. É algo difícil de expressar corretamente, mas tentarei ser clara: ao mesmo tempo em que a autora consegue descrever detalhes perfeitamente, e nos transporta ao cenário que está narrando, toda essa magia é quebrada quando os personagens falam. Em diversos trechos do livro me deparei com falas artificiais, forçadas ou infantis demais para personagens que já eram adultos.
   Isso acabou deixando uma impressão ruim, pois, durante grande parte do livro, tudo pareceu forçado, orquestrado demais. Já tive certo receio com a história assim que ela foi apresentada, e não consegui me deixar ser convencida pelas inúmeras situações apresentadas, a começar pelo pai de Rafa e Fabi. Ter duas filhas, mas mantê-las escondidas de tudo e de todos “para a própria proteção”? Fiquei imaginando como duas mulheres feitas, crescidas, simplesmente aceitam isso pela vida inteira. Além disso, que tipo de mãe deixa as filhas viverem desse jeito, calada e submissa ao marido?


   As atitudes das meninas foi outro fator que não me agradou de maneira alguma. Eu já havia achado-as fúteis demais em um primeiro momento, e, no decorrer da história, preciso dizer que nenhuma de suas atitudes me fizeram mudar de ideia. Em certos momentos elas agiam como duas crianças, o que é inaceitável – em minha opinião, é claro – para mulheres de vinte e poucos anos. Mas, o que mais me deixou abismada foi a velocidade (relâmpago!) com a qual elas se apaixonaram. Resumindo: em alguns momentos, me senti como se estivesse lendo uma fanfiction


Olá, pessoal! A Editora Saída de Emergência (ou melhor: SDE) divulgou a capa de "Herdeira das Sombras" segundo volume da trilogia Joias Negras escrita por Anne Bishop. O lançamento está previsto para novembro desse ano! O primeiro livro, Filha do Sangue já foi resenhado no Palácio de Livros, confira aqui


Sinopse: Há setecentos anos, num mundo governado por mulheres e onde os homens são meros súditos, uma Viúva Negra profetizou a chegada de uma Rainha na sua teia de sonhos e visões. Jaenelle chegou para ocupar o seu lugar, mas mesmo a proteção dos Senhores da Guerra não impediu que os seus inimigos lhe provocassem um terrível mal. Agora é necessário protegê-la até às últimas consequências. Mas será que ainda é possível recuperar Jaenelle? Há, no Reino, três homens dispostos a dar a sua vida pela Rainha prometida. Mas as atrocidades cometidas mostram que há quem esteja disposto a tudo para controlar ou destruir Jaenelle. Para todo o sempre.

O que acharam da novidade, leitores? A Gabi está louca por esse lançamento, já que gostou muito do primeiro livro. Pretendo ler esse trilogia um dia e espero amar tanto quanto ela!


Olá, pessoal! Quando fizemos nossa pesquisa de opinião, percebemos que muitos de nossos leitores pediram para que fizéssemos posts promocionais aqui no blog, então resolvemos separar uma lista com várias promoções que estão acontecendo nas Lojas online da Submarino e da Saraiva. Vamos conferir?

S U B M A R I N O

C O L E Ç Õ E S 
Box Clássicos Zahar (Brilham no Escuro) por 79,90
4 Livros Harry Potter por 33,22
Trilogia John Green por 56,90

L I V R O S   C O M   D E S C O N T O
Sob a Redoma por 39,90
Se eu Ficar por 24,90
Para Sempre (Os Imortais)  por 9,90
Lua Azul  por 9,90
Terra das Sombras por 9.90
Infinito por 9.90
A Travessia por 9,90
Destino por 9.90
Sussurro (Hush Hush) por 9,90 
Perfeitos  por 9.90
Métrica por 19.90
Entre o Agora e o Nunca por 19,90
Guerra Mundial Z por 19,90
Fios de Prata por 19,90
A Ascensão dos Nove por 19,90
A Casa de Hades por 22,90

I M P O R T A D O S
Divergent por 19,90
Mockingjay por 26,90
The Throne Of Fire por 11,90 
The Hobbit por 21,90
The Lord of the Rings - Complete Collection por 54,90

E D I Ç Õ E S   E S P E C I A I S 
Crime e Castigo (Capa Dura) por 29,90 
Os Irmãos Karamázov(Capa Dura)  por 29,90 
A Origem das Espécies (Capa Dura) por 33,90
O Cavaleiro dos Sete Reinos (Capa Dura) por 29,90
The Picture Of Dorian Gray   por 34,50
Dracula por 34,50
Wuthering Heights por 34,00 Grimm's Complete Fairy Tale por 51,50 Veja todos os livros aqui!

Obs. Os preços estão sujeitos à mudanças. O blog Palácio de Livros não é responsável por nenhuma compra. A análise perante os produtos cabe ao cliente, que deve se informar sobre as especificações do produto, ou seja, ver se é edição econômica, capa dura, brochura, inglês e etc. 


A 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo acontecerá entre 22 e 31 de agosto de 2014 no pavilhão de Exposições do Anhembi. Com uma programação abrangente, o evento mescla literatura com diversão, negócios, gastronomia e cultura. A Bienal reunirá as principais editoras, livrarias e distribuidoras do país. São cerca de 480 expositores participantes que apresentarão para 800 mil visitantes seus mais importantes lançamentos em um espaço total de 60 mil m².


De 22 a 31 de Agosto de 2014
Pavilhão de Exposições do Anhembi
Av. Olavo Fontoura, 1.209 - Santana - CEP 02012-021 São Paulo - SP


Horário de Visitação:
Segunda à sexta-feira, das 9h às 22h (com entrada até as 21h)
Sábados e domingos, das 10h às 22h (com entrada até as 21h)
Dia 31 de agosto, das 10h às 21h (com entrada até as 19h)

PARA INFORMAÇÕES SOBRE LOCAIS E HORÁRIOS, CLIQUE EM "LEIA MAIS"...


Teremos mais um livro de Stephen King adaptado para os cinemas! Baseado no livro Full Dark, No Stars, o filme foi intitulado A Good Marriage, estrelado por Joan Allen e Anthony LaPaglia, será lançado nos Estados Unidos em 3 de outubro. O primeiro poster já foi divulgado! Confira as informações abaixo:

  
     Poster do filme A Good Marriage.          Capa do livro Full Aark, No Stars nos EUA

A editora Suma de Letras, que publicou diversos livros do autor aqui no Brasil, se pronunciou dizendo que trará Full Dark, No Stars em abril do próximo ano. O livro é uma coletânea de contos, sendo eles: 1922, Big Driver, Fair Extension e A Good Marriage.

Sinopse: Uma nova coleção de quatro histórias de Stephen King que nunca publicadas antes.
1922 - A história abre com a confissão de Wilfred James de ser o assassino da sua mulher, Arlette, depois da sua mudança para Hemingford, Nebraska na terra que o pai de Arlette deixou para ela.
Big Driver - A escritora de mistério, Tess, tem suplementado o seu salário de escritora por anos fazendo palestra sobre noivados com nenhum problema. fazendo palestras, sem problemas. Mas após um convite de última hora para um clube do livro 60 milhas de distância, ela toma um atalho para casa com conseqüências terríveis.
Fair Extension - Harry Streeter, que está com câncer, decide fazer um pacto com o diabo, mas, como sempre, tem um preço a se pagar.
A Good Marriage - Darcy Anderson aprender mais sobre seu marido de 20 anos que ela gostaria de ter gostado de saber quando ela literalmente tropeça em uma caixa embaixo da mesa de trabalho na garagem deles.

 T R A I L E R 

O que vocês acharam da novidade? Adorei o trailer e acho que o filme vai ser um sucesso! - ao contrário de Carrie, A Estranha. Pretendo ler, sim, essa antologia quando a Suma de Letras lançar nos Brasil! E vocês?


Livro: O Guardião 
Título Original: Low Town
Autor (a): Daniel Polansky
Editora: Geração Editorial
ISBN: 9788581300344
Páginas: 448
Sinopse: "Hoje, quando você sair à procura de Yancey, o Rimador, e tiver de abrir caminho em meio às prostitutas, aos valentões e aos viciados loucos por mais um dia de cheirada ou um trago, você irá se deparar com o corpo de uma criança. O cadáver exala um odor que não é dele, um cheiro que recende a magia e a um lugar, se Sakra quiser, para o qual você jamais irá querer voltar. Não fique tempo demais de bobeira perto do corpo; os gélidos vão querer saber o que você fez e o que há na sua bolsa. E quando eles te pegarem, é para a Casa Negra que você irá, onde o Comandante fará uma oferta que você não terá como recusar. Bem-vindo a um mundo como nenhum outro, com uma linguagem estranha e rica e uma violência tão sombria quanto o mais negro dos noites."
 TRILOGIA "CIDADE DAS SOMBRAS"
    1.  O Guardião
    2.  A Cilada
    3.  She Who Waits (sem previsão de lançamento)


   O Guardião é um livro envolto de mistérios, crimes, e, especialmente, sombras. Poucas vezes tive a oportunidade de ler uma obra que conseguisse, de forma tão magistral quanto esse livro, envolver tamanha quantidade de elementos profundos  – e quiça assustadores – de uma vez só. Nunca havia ouvido falar do autor, Daniel Polansky, e decidi iniciar essa leitura sem nenhuma informação, para ver se seria surpreendida com a história. E, não deu outra; além de terminar a leitura da obra abismada, virei fã do autor.
   Me surpreendi com o modo que Polansky retratou um mundo tão cruel, imperfeito, e, ao mesmo tempo, tão parecido com o nosso. Trata-se de um mundo fantástico, com elementos mágicos, mas que não deixa de lado toda essa realidade presente no nosso dia a dia. Dentro de O Guardião você encontrará uma história completa, real, que conta com um personagem mais realista ainda: alguém que não é perfeito, nem bonito, nem bondoso, mas que tenta, a sua maneira, fazer o que é certo. 
  
   “O Guardião” já tem um início turbulento. O protagonista da história é um homem misterioso, sobrevivente de guerras e pestes. Depois de um futuro renomado, ele hoje vive no submundo da cidade de Rigus, sustentando-se como uma espécie de traficante de drogas, sendo que ele próprio é viciado na substância que comercializa. O Guardião, como é conhecido, já esteve do lado da lei e exerceu suas funções excelentemente, mas algo inesperado acabou o arrastando para uma vida nas sombras. 
   E é dessa maneira que, em uma noite na qual cuidava de seus negócios, o Guardião encontra o corpo de uma criança. Claramente torturada e violentada, o que mais chama atenção do protagonista é o fato da morte ser incomum. Interessado, ele vai atrás do assassino, mas apenas para deparar-se com algo ainda mais estranho. Quando mais crianças começam a sumir e o Guardião – um suspeito de crimes de longa data – se vê obrigado a ir atrás do que estaria causando tanto sofrimento a inocentes, ele pode não saber que está prestes a entrar em algo muito mais profundo e sombrio do que imagina. 

   O que me chamou mais atenção em toda a obra de Polansky, de cara, foram as características do protagonista. Essa é uma das raras vezes nas quais o principal personagem não é alguém bonito, especialmente querido, extremamente inteligente ou cheio de bondade no coração. Não. Guardião é alguém sagaz, feio, que vive em uma cidade mais feia ainda, e que lida com o pior dos seres humanos. Isso não quer dizer que trata-se de uma pessoa detestável, na verdade, muito pelo contrário; foi essa tamanha realidade, a presença de defeitos e qualidades, que me deixou fascinada pelo mundo criado pelo autor. 


   Acredito que é rara a obra que consegue mexer com leitor, e o deixar preso a cada instante à leitura. É algo complicado, especialmente em livros que contam histórias de suspense e mistérios. Enquanto realizava a leitura de O Guardião, todavia, simplesmente não consegui largar o livro. Cheio de reviravoltas, plot-twists e mistérios, é o tipo de livro que ao terminar, deixa o leitor sedento por mais. 
   A narrativa é madura, densa e combina perfeitamente com o enredo. Contudo, ao mesmo tempo, não é algo extremamente complexo ou cheio de termos inusitados: consegue, ao mesmo tempo que transpassa uma atmosfera sóbria, se adequar perfeitamente ao nosso vocabulário diário. Não tenho reclamações a fazer, a não ser uma: a quantidade de palavrões que o livro possui. Sei que há pessoas que não se importam muito, mas, para mim, é algo extremamente incômodo, e não pude deixar de reparar nesse aspecto durante a leitura. É claro, não é algo que atrapalhe verdadeiramente a não ser que você tenha problemas com esse tipo de linguagem, e até reflete, de certo modo, a atmosfera sombria do livro. 


Olá, pessoal! Hoje trouxemos as principais novidades da editora Farol Literário e da Universo dos Livros, a mais nova parceira do blog! Os lançamentos estão de arrasar e muitos deles serão estreados na Bienal do Livro que acontecerá daqui alguns dias em São Paulo. Bora conferir?


F A R O L   L I T E R Á R I O 




Despedaçada -Teri Terry (Slated #3)
Kyla foi Reiniciada: sua memória foi apagada pelo Opressivo governo dos Lordeiros. Mas, quando lembranças proibidas de um passado violento começam a aparecer, surgem também dúvidas: ela pode confiar naqueles que passou a amar, como Ben? As autoridades querem a morte de Kyla. Com a ajuda de amigos no DEA, ela vai a fundo, sondando seu passado e fugindo. A verdade que ela busca desesperadamente, no entanto, é mais surpreendente do que ela poderia imaginar. Ao final do terceiro volume desta aclamada série, os mais profundos e imprevisíveis segredos serão revelados.








Não Olhe Para Trás - Jennifer L. Armentrout

Samantha é uma jovem de 17 anos rica e popular que, depois de passar quatro dias desaparecida, retorna ferida e desmemoriada. A nova Samantha não se reconhece no retrato de menina má e mimada que todos à sua volta começam a pintar. E logo descobrirá que foi a última a ver Cassie, a garota com quem mantinha uma relação confusa de amizade e rivalidade e que desapareceu no mesmo dia que ela. O que aconteceu na noite fatídica em que as duas sumiram? E por que Samantha foi a única a reaparecer? Não olhe para trás é um daqueles suspenses que só paramos de ler para tentar nos antecipar à autora e descobrir qual é o mistério.








HQ – A Queda da Casa de Usher - Edgar Allan Poe
A mansão gótica está em ruínas e aos poucos afunda no pântano sob ela. Seus moradores estão doentes e deslizando para o mundo da loucura. E se você ouvir com atenção, poderá escutar o som da hera subindo pelas paredes, o vento sussurrando seu nome e as árvores estalando quando esticam seus galhos para recebê-lo. Por favor, tente aproveitar sua estada…







Contos de suspense - Rosana Rios e Martha Argel
Narrativas de suspense são histórias que há séculos fascinam e capturam a imaginação dos leitores, do início até o desfecho.Selecionamos os melhores contos dos mestres do suspense Edgar Allan Poe, H. P. Lovecraft, Phil Robinson, Ambrose Bierce e H. G. Wells.










U N I V E R S O D O S L I V R O S



Sombras da Meia Noite - Lara Adrian (Midnight Breed #7)

Na vastidão congelante das trevas, os limites entre o bem e o mal, entre o amante e o inimigo, nunca são definitivos, como preto no branco, mas desenhados em nuances da meia-noite. Algo cruel está à espreita na floresta gélida do Alasca, deixando uma carnificina inominável em seu rastro. Para a piloto do interior Alexandra Maguire, os homicídios despertam sensações que ela não consegue compreender completamente... Até um desconhecido misterioso e sedutor entrar em seu mundo.






4 Semanas de Prazer - Julianna Costa
Dominique Thoen é uma advogada competente e ambiciosa, uma mulher independente que não guarda espaço na sua vida para relacionamentos de qualquer tipo. A raiva que nutre pelo seu colega de trabalho, Gregory Holt, se compara apenas ao desejo secreto que sente por ele. Uma sequência de desventuras, no entanto, leva Gregory a filmar Dominique em um momento íntimo e, no ímpeto de ensinar uma lição àquela mulher impiedosa, ele a chantageia.








Louca por você - A.C Meyer

Julie tem dois grandes sonhos: cantar profissionalmente e fazer com que Daniel a enxergue como mulher. Ele é o charmoso dono do badalado bar After Dark e se diz avesso a compromissos, sempre pronto para noitadas casuais. Em uma noite de muito movimento, o estabelecimento se vê sem um vocalista para dar continuidade à programação musical, e Julie é colocada por um dos sócios de Daniel à frente da banda para resolver o problema.
Mas a voz e a presença de palco da nova cantora encantam o público... e também o atraente garanhão. Descontrolado de ciúmes, Daniel está disposto a usar toda a sua autoridade para tirar Julie dos holofotes e dar uma chance ao seu verdadeiro amor. Ele só não contava com as investidas insistentes de Alan, o sexy guitarrista da banda, que resolveu fazer de tudo para conquistar o coração da nossa mocinha.
Será que o sonho de Julie finalmente vai se concretizar com Daniel ou seu verdadeiro príncipe encantado é o guitarrista sensual?




O Rei - J. R Ward (Irmandade da adaga negra #12)
Depois de recusar seu trono por séculos, Wrath, filho de Wrath, finalmente assumiu o manto de seu pai – com a ajuda de sua amada companheira. Mas a coroa pesa fortemente em sua cabeça. Enquanto a guerra com os Redutores continua, e a ameaça vinda do Bando de Bastardos está chegando perto de acontecer, ele é forçado a fazer escolhas que põe tudo e todos em risco.
Beth Randall pensou que sabia no que estava se metendo quando ela se relacionou com o último vampiro puro-sangue no planeta: não seria nada fácil. Mas quando ela decide que quer ter um filho, percebe que não estava preparada para a resposta de Wrath – ou a distância que essa decisão criaria entre eles. A questão é: o amor verdadeiro vencerá?




Sedutor Selvagem - Christina Lauren
Christina Hobbs e Lauren Billings, conhecidas pelo pseudônimo Christina Lauren, causaram grande impacto com seu Cretino irresistível. A série entrou nas listas de mais vendidos no Brasil e é best-seller do USA Today e do The New York Times. Agora, elas estão de volta com Sedutor, primeiro volume de uma série que não promete menos: Selvagem Irresistível. Mia Holland, depois de comemorar sua formatura em um louco final de semana em Las Vegas, fica aterrorizada com as escolhas que terá de fazer nessa nova etapa da vida. Ela toma, então, uma decisão selvagem: partir para a França seguindo os passos de Ansel Guillaume, um homem envolvente e extremamente sedutor. Por trás de todas as brincadeiras sensuais de Mia e Ansel, sentimentos começam a surgir. Nesse momento, ela precisa decidir se retorna para a vida que deixou ou se entra de cabeça nessa aventura ardente e arrebatadora que acabou de descobrir...




Incontrolável - Sylvia Day

Em Incontrolável, Isabel, a conhecida Lady Pelham não poderia ter encontrado um marido melhor. Gerard Faulkner, o Marquês de Grayson é um amigo querido e encantador, além de um sedutor incorrigível. A união deles é sólida, mas seus corações estão longe um do outro. Eles são o casal mais escandaloso de Londres. Lady Pelham e o Marquês de Grayson combinam em tudo – no apetite luxuriante, nos constantes casos amorosos, na inteligência aguçada, na reputação provocante e em sua absoluta recusa a arruinar seu casamento de fachada, ao acender a paixão que até então não existia. Isabel sabe que um libertino charmoso como o marido nunca conquistará seu amor, e nem ela poderia roubar o coração galanteador dele. O casamento é uma grande farsa... até que um acontecimento chocante afasta Gerard de seu lado.
Agora, quatro anos mais tarde, Gerard retorna para Isabel. Mas o jovial malandro de antes voltou como um homem poderoso e irresistível, que está determinado a seduzi-la e a ganhar seu coração. Este não é o mesmo homem com quem ela se casou, mas pode ser o homem que finalmente conquistará seu corpo e sua alma...


Livro: O Tocaio
Autor (a): Edison Rodrigues Filho
Editora: Primavera
Páginas: 196
ISBN: 9788561977726

Sinopse: Flávio Moretto é o xará, o Tocaio, de Flávio Fontoura, o Biotônico. Um triângulo amoroso inicialmente entre Amanda, Tocaio e Biotônico desencadeará uma trama cheia de mistério, permeada por política e história. Depois da suposta morte de Biotônico, é a vez do triângulo amoroso entre Tocaio, Amanda e uma garota parecida com Juliana, filha de Biotônico e Amanda. Uma dúvida paira se a garota é mesmo Juliana ou alguma moça parecida com ela. Tocaio confuso entre o amor por Amanda e a paixão pela garota. Será que este e outros mistérios se desfazem ao final da trama? Toda essa história é permeada por acontecimentos políticos, como quando estudantes foram às ruas fazer a campanha Fora Collor, que culminou no impeachment do então presidente da República.

  Tocaio foi escrito por Edison Rodrigues Filho e publicado pela Primavera Editorial. Autor de diversos livros juvenis como “O Segredo da Chave” e “O Segredo da Invisibilidade”, Edison Filho teve o livro “O Meio Circulante” indicado para o Prêmio Jabuti, na categoria Juvenil. Leia a resenha a seguir e conheça melhor sua obra intitulada de O Tocaio. 

     Flávio Moretto – ou melhor, Tocaio – sempre ficou à sombra de seu xará, Flávio Fontoura. Inclusive quando conheceram uma bela ruiva no ônibus: Amanda. Logo de cara, ambos ficaram encantados por essa garota, mas quem a conquistou de cara foi Flávio Fontoura, que sempre fora mais eloquente e arrojado. 
     Tocaio permaneceu por anos assistindo seu xará ter a vida que ele próprio havia pedido aos céus. Fontoura não só se casara com Amanda, como tivera uma filha igualmente ruiva e tivera ascensão com os negócios da família enquanto Tocaio se tornara professor de Literatura e continuava a saborear os fracassos de sua vida. Porém, a família Fontoura encontra a falência e decide armar um golpe para fugir dessa enrascada. 
     Tempos depois, Flávio Fontoura falece em um acidente de carro. Por mais triste que ficara, Tocaio não negou ajuda à viúva Amada e logo começaram a se relacionar. Tocaio substituiu seu melhor amigo em sua completa vida, inclusive em sua casa e em sua cama. Mas Juliana, filha de Amanda com Fontoura, não aceitava muito bem a presença de Tocaio em sua casa. 
     Tocaio sentia uma atração por Juliana indescritível e em um dia, enquanto dirigia seu carro durante uma chuva intensa, deu carona a uma garota incrivelmente parecida com sua enteada. Não demora muito e nosso protagonista começa a cotejá-la...

     Composto pela não-linearidade em seu enredo, O Tocaio se mostrou um livro inteiramente envolvente e arrebatador. Tendo sua estrutura narrativa em terceira pessoa e personagens bem aprofundados, foi impossível não atingir as 194 páginas com rapidez, e foi impossível interromper a leitura.
     O Tocaio tem uma linguagem mais rebuscada, porém, ainda sim, acessível. A narração tem a característica de “relato” em algumas cenas – principalmente nas memórias do passado – e interage bem com os diálogos, atribuindo a esta um equilíbrio admirável. O escritor brinca, também, de forma quase poética com os nomes e os fatos trágicos da sua própria história. Essa interação criativa e bem humorada autor-leitor fez ser impossível cansar dessa leitura gostosa, envoltória e atraente.
     O que também me fez insistir nessa obra foi a curiosidade que o autor fez crescer no leitor. Era possível não notar que O Tocaio era mais que um simples romance, e que tinha muita história escondida em seu enredo. Li-o até o seu fim com a imensa vontade de compreender e ver até onde Edison Filho levaria a sua trama e fiquei bem satisfeita com o seu desfecho.


     Os personagens foi um ponto fortíssimo, já que tinham suas características fortes e marcantes e acabavam seduzindo a atenção do leitor. Tocaio, nosso protagonista – pelo qual desenvolvi muita simpatia – foi um personagem muito bem empregado nessa obra, assim como seus coadjuvantes, como Amada – que me surpreendeu muitíssimo – e Juliana.


Livro: A Verdade Sobre Nós
Título original: The Truth About Us
Autor (a): Amanda Grace
Editora: Intrínseca
Páginas: 208
ISBN: 9788580575378
Sinopse: "Madelyn Hawkins está cansada. Cansada de ser sempre perfeita. Cansada de tirar A em tudo. Cansada de seguir à risca os planos que os pais fizeram para ela. Madelyn Hawkins está cansada de ser algo que não é, algo que não quer ser. E então ela conhece Bennet Cartwright. Inteligente, sensível, engraçado. A seu lado, ela se sente livre e independente. Uma história que poderia muito bem ter um final feliz, não fosse por um detalhe: Maddie tem apenas 16 anos, e Bennet, além de ter 25 anos, é seu professor. Pressionada pelos pais a participar de um programa para jovens talentos, Maddie pula dois anos do Ensino Médio e vai direto para a faculdade, onde conhece e se apaixona pelo professor de biologia. O sentimento é recíproco, e para dar uma chance àquele novo relacionamento que lhe faz tão bem, ela decide não contar para Bennet sua idade. Não demora muito para que as coisas comecem a dar errado, e as consequências da farsa de Maddie ganham contornos devastadores quando a verdade vem à tona."


    Antes mesmo de ler "A Verdade Sobre Nós" já havia ouvido falar sobre a autora, Amanda Grace, e não podia esperar para conferir uma de suas histórias. Para quem não sabe, Grace é conhecida nos Estados Unidos por escrever sobre histórias de amor polêmicas, "incorretas" e contraditórias. Sempre fui fã de histórias de amor proibido; adoro ver o desenvolvimento dos personagens, suas motivações e atitudes. Portanto, não sabia exatamente o que esperar, mesmo que estava ansiosa para a leitura da história de Maddie. E o que encontrei foi uma história sensível, tocante, que conseguiu fugir dos clichês, mesmo quando sua história, em si, é um deles. 

    Madelyn Hawkins é a filha perfeita. Ela mora na pequena cidade de Enumclaw, em Washington, com seus pais e irmão mais velho, e é o orgulho da família – nunca se meteu em problemas, sempre obedeceu aos pais e é genuinamente inteligente. Não é uma grande surpresa, apesar do orgulho dos pais, quando Madelyn é aceita no programa Running Start – um programa oferecido pela escola no qual alunos com notas exemplares podem terminar os créditos do ensino médio na faculdade. 
   Quando chega lá, a vida de Maddie começa a mudar da maneira que ela sempre quis. Ela conhece seu professor de Biologia básica, Bennett Cartwright, e a atração da garota por ele é instantânea. Bennett é a personificação de todos os sonhos de Madelyn: inteligente, atencioso e, acima de tudo, ele representa a liberdade que ela deseja possuir há muito tempo. Mas, o mais importante para Maddie é que ele não a olha como uma criança como toda sua família. 
   Bennet é levado a crer, desde que os dois começam a conversar, que ela possui dezoito anos. E Madelyn, consciente disso, não faz nada para corrigi-lo – afinal, isso poderia arruinar qualquer chance sua com ele. Quando ela vê que seus sentimentos podem começar a estar sendo correspondidos, todavia, sabe que deve falar a verdade para Bennett... Mas ele não acha correto se relacionar com ela até o final do semestre – quando não será mais seu professor –, e ela promete a si mesma que, até lá, contará a verdade para ele. Antes que algo acabe mal. 

   Como já afirmei, eu estava ansiosa para essa leitura desde que vi que a Editora Intrínseca lançaria o livro aqui no Brasil. Tinha consciência da temática do livro e adorei a capa, mas tive uma impressão um pouco diferente do livro inicialmente: eu esperava uma história de romance com uma pegada new-adult, ou um romance fofinho. Então, imaginem minha surpresa quando me deparei com um livro melancólico, que conta uma história de amor de um jeito diferente do usual. 
   A Verdade Sobre Nós é narrado pela própria Maddie, mas de uma maneira inusitada: o livro inteiro é em forma de carta. Nele não há divisões de capítulos devido a isso, mas apenas as divisões das três cartas escritas, em segunda pessoa, pela protagonista. O fato de a história inteira ser direcionada  a Bennett, com Maddie narrando a ele os fatos sob o seu ponto de vista é muito interessante, a apenas deixa o leitor mais e mais interessado na história em si. 
   A leitura conseguiu me prender de imediato, especialmente devido a essa narrativa diferente, que consegue ser sóbria e coloquial ao mesmo tempo. É algo delicado demais, e ficamos sabendo como a protagonista, que tem, no início do enredo, apenas 16 anos, se sentia descobrindo o primeiro amor. Além disso, algo que me chamou atenção foi o fato de sabermos, desde o início, mais ou menos que rumo a história tomará. Isso geralmente tira um pouco do meu interesse pelo enredo, mas, nesse caso, apenas fiquei mais curiosa e expectante.
 

    Por mais que tenha adorado a história, é claro que encontrei alguns problemas durante a leitura; a começar por Maddie, a personagem principal. Como o livro é sob sua perspectiva, é claro para o leitor, desde o início, o que se passa pela cabeça da jovem ao tomar as atitudes que tomou. Ela deixa bem claro durante todo o livro que sabia o que estava fazendo, quais poderiam ser as consciências e que deveria falar a verdade para ele. Ela sabe; mas não faz nada disso. Não quando tem conhecimento de que ela não seria a mais prejudicada, nem quando tem várias e várias oportunidades. Esse egoísmo enorme da personagem me deixou um tanto revoltada durante várias passagens dos livros, ainda mais já que a história – por ela estar narrando – fica um tanto repetitiva, afirmando os mesmos fatos continuamente.


Olá, leitores! Estamos aqui com duas notícias ótimas para os fãs de distopias! Sim, tanto A Esperança parte 1 quanto Insurgente será lançado no Brasil primeiro! Confira os posteres e as informações sobre os lançamentos abaixo!

A   E S P E R A N Ç A   P A R T E  1

A tão aguardada distopia "A Esperança parte 1" tem sua estreia marcada para o dia 19 de novembro de 2014 no Brasil, antes da estreia no Estados Unidos prevista para 21 de Novembro! Dirigido por Francis Lawrence, a longa-metragem conta com atores brilhantes e talentosos: Jennifer Lawrence, Josh Hutcherson, Liam Hemsworth, Woody Harrelson, Donald Sutherland. Confira o trailer aqui

Sinopse: Após sobreviver por duas vezes aos Jogos Vorazes, Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence) servirá como símbolo de uma revolução iniciada no Distrito 13. Além de ter que manter sua imagem de ícone, a jovem ainda precisa se preocupar em defender sua mãe e sua irmã no meio da guerra.

I N S U R G E N T E
A Paris Filmes divulgou em primeira mão a data em que o filme será lançado aqui no Brasil, dia 19 de março de 2015! A Saga Divergente: Insurgente chegará no Brasil antes mesmo que nos Estados Unidos, que lançará o filme por lá no dia 20 de março de 2015.
Robert Schwentke, o diretor de R.E.D. Aposentados e Periogosos, dirigirá Insurgente e Akiva Goldsman já foi confirmado como o roteirista — já ganhou o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado por "Uma Mente Brilhante"


Sinopse do livro: Na Chicago futurista criada por Veronica Roth em Divergente, as facções estão desmoronando. E Beatrice Prior tem que arcar com as consequências de suas escolhas. Em Insurgente, a jovem Tris tenta salvar aqueles que ama - e a própria vida – enquanto lida com questões como mágoa e perdão, identidade e lealdade, política e amor. 


Olá, queridos leitores! Trouxemos aqui as mais novas novidades da Editora Arqueiro e do Selo Seguinte, pertencente a Editora Companhia das Letras. Os lançamentos estão fartos esse mês e prometem abranger vários tipos de públicos. Confira abaixo sua capa e sua sinopse!

E D I T O R A   A R Q U E I R O

 A Promessa do Tigre - Collen Houck
Medo. Esperança. Dúvidas. Antes da maldição, uma promessa. Mais de 300 anos antes de Kelsey Hayes surgir na vida de Ren e Kishan, uma jovem cruzou o caminho dos príncipes. Seu amor por um deles mudou o curso da história e o destino da família Rajaram. Criada longe dos olhos da corte, isolada do convívio no castelo, Yesubai luta para suportar os maus-tratos do pai e manter em segredo suas habilidades mágicas. Lokesh é um poderoso e cruel feiticeiro que foi capaz de assassinar a própria esposa porque ela lhe deu uma filha em vez de um filho. Ao completar 16 anos, Yesubai é surpreendida por um anúncio do rei. Procurando fortalecer suas relações diplomáticas, o nobre acredita que um casamento entre a filha de Lokesh, comandante de seu exército, e um pretendente de algum dos reinos vizinhos será uma boa estratégia para diminuir os conflitos na região. A jovem recebe a notícia com alegria. Pela primeira vez ela enxerga um fio de esperança, a perspectiva de escapar do controle do pai e de levar uma vida fora do confinamento de seus aposentos. Mas esses não são os planos do feiticeiro. Ele vê no iminente casamento de Yesubai uma oportunidade de conseguir ainda mais poder e não poupará esforços para atingir seus objetivos sombrios. 'A promessa do tigre' conta a origem da história dos príncipes Ren e Kishan e os acontecimentos que levaram às aventuras da aclamada série 'A maldição do tigre'

 Bem-Casados - Nora Roberts
Bem-casados
Bem-casados, terceiro livro da série Quarteto de Noivas, é uma linda história sobre a doçura do amor. Quando terminar de lê-lo, você terá certeza de que os sonhos podem se realizar das formas mais inesperadas. Parker, Mac, Emma e Laurel, amigas de infância, ganham a vida realizando o sonho de inúmeros casais apaixonados. As quatro são proprietárias da Votos, uma empresa de organização de casamentos. Após ter trilhado um caminho muito duro para conseguir ser alguém na vida, Laurel McBane se tornou a criadora dos bolos e quitutes mais lindos e saborosos do estado. Ela preza sua independência acima de tudo e não aceita que ninguém interfira em suas decisões. Talvez por isso, apesar do sucesso profissional, ainda não tenha se entregado ao amor. Apaixonada desde sempre por Delaney Brown, irmão de Parker, ela nunca teve coragem de revelar seus sentimentos. Afinal, sabe que é como uma irmã para ele. Advogado da Votos, Del se sente responsável por cuidar não só dos assuntos burocráticos da empresa, mas também do bem-estar das quatro sócias. Porém, sua postura paternalista e super protetora começa a gerar desentendimentos entre ele e Laurel. Mas essas diferenças de opinião também fazem ferver uma química que vinha cozinhando em fogo brando havia muito tempo, acendendo uma faísca que eles não sabem se conseguirão – ou se querem – conter. Agora Laurel e Del precisarão conciliar suas convicções e personalidades para que o orgulho não fale mais alto que a paixão.


Doador de memórias, O O Doador de Memórias - Lois Lowry
Os habitantes de uma pequena comunidade, satisfeitos com a vida ordenada, pacata e estável que levam, conhecem apenas o presente - o passado e todas as lembranças do antigo mundo lhes foram apagados da mente. Um único indivíduo é encarregado de ser o guardião dessas memórias, com o objetivo de proteger o povo do sofrimento e, ao mesmo tempo, ter a sabedoria necessária para orientar os dirigentes da sociedade em momentos difíceis. Aos 12 anos, idade em que toda criança é designada à profissão que irá seguir, Jonas recebe a honra de se tornar o próximo guardião. Ele é avisado de que precisará passar por um treinamento difícil, que exigirá coragem, disciplina e muita força, mas não faz ideia de que seu mundo nunca mais será o mesmo. Orientado pelo velho Doador, Jonas descobre pouco a pouco o universo extraordinário que lhe fora roubado. Como uma névoa que vai se dissipando, a terrível realidade por trás daquela utopia começa a se revelar.



Os Segredos de Colin Bridgerton
Segredos de Colin Bridgerton, Os
Há muitos anos Penelope Featherington frequenta a casa dos Bridgertons. E há muitos anos alimenta uma paixão secreta por Colin, irmão de sua melhor amiga e um dos solteiros mais encantadores e arredios de Londres.Quando ele retorna de uma de suas longas viagens ao exterior, Penelope descobre seu maior segredo por acaso e chega à conclusão de que tudo o que pensava sobre seu objeto de desejo talvez não seja verdade. Ele, por sua vez, também tem uma surpresa: Penelope se transformou, de uma jovem sem graça ignorada por toda a alta sociedade, numa mulher dona de um senso de humor afiado e de uma beleza incomum. Ao deparar com tamanha mudança, Colin, que sempre a enxergara apenas como uma divertida companhia ocasional, começa a querer passar cada vez mais tempo a seu lado. Quando os dois trocam o primeiro beijo, ele não entende como nunca pôde ver o que sempre esteve bem à sua frente. No entanto, quando fica sabendo que ela guarda um segredo ainda maior que o seu, precisa decidir se Penelope é sua maior ameaça ou a promessa de um final feliz. Em Os segredos de Colin Bridgerton, quarto livro da série Os Bridgertons, que já vendeu mais de 3,5 milhões de exemplares, Julia Quinn constrói uma linda história que prova que de uma longa amizade pode nascer o amor mais profundo.


Resgate, O O Resgate - Nicholas Sparks
Taylor McAden é voluntário do corpo de bombeiros da pequena Edenton. Destemido a ponto de parecer imprudente, enfrenta incêndios, participa de salvamentos, desafia a morte sem hesitar. Mas uma coisa ele não tem coragem de fazer: entregar seu coração. Por toda a vida ele se envolveu com mulheres que estavam mais em busca de apoio que de amor – e sempre se afastava delas assim que o relacionamento começava a ficar sério. Numa noite de tempestade, enquanto sinalizava postes de energia caídos, Taylor encontra um carro batido na beira da estrada. Assim que recobra os sentidos, Denise, a motorista, pergunta pelo filho. Mas Kyle, um menino de 4 anos que tem problemas de audição e de fala, não está em sua cadeirinha no banco traseiro. Durante a busca pelo garoto, Denise se surpreende ao ver que está diante de um homem capaz de abrir mão da própria vida para salvar uma criança. E o que Taylor nem imagina é que esse resgate será muito diferente de todos os que já fez, pois exigirá mais do que coragem e força física – e talvez possa levá-lo à própria salvação. O resgate é um livro arrebatador sobre sentimentos que abrem portas fechadas pela tristeza e sobre vidas que são transformadas quando se tem a ousadia de amar. 


Private - Londres - James Patterson
Private Londres
Quando os ricos e famosos estão em apuros, a primeira ligação deles não é para os serviços de emergência. Eles ligam para a Private.Para muitas pessoas, um minuto pode ser pouco tempo. Mas foi suficiente para Jack Morgan falhar em salvar a mãe de Hannah Shapiro. Impotente e com medo, a jovem de 13 anos viu a mãe ser morta quando o pai não pagou o resgate aos sequestradores. E, embora tenha sobrevivido, guardou aquele pesadelo na memória por sete anos.Mas isso foi antes da Private. Antes de Jack Morgan ter recursos.Com clientes de elite, a agência se expandiu, abrindo filiais no mundo inteiro. Com um seleto time de investigadores e equipamentos de última geração, a Private é uma rede bem-estruturada e Jack saberá usá-la para a proteção de Hannah. Para isso, ele convoca Dan Carter, responsável pelo escritório da Private em Londres, como guardião de Hannah, agora uma mulher de 20 anos, estudante de psicologia. O plano não podia dar errado – até Hannah e as amigas, incluindo a afilhada de Carter, serem atacadas em frente à universidade. Quando Hannah é mais uma vez sequestrada e sua afilhada entra em coma, Dan Carter descobre que os sequestradores são profissionais, alguém está vazando informações e a questão é pessoal.O pesadelo recomeçou.


E D I T O R A  S E G U I N T E


Livro
Coração Ardente - Richelle Mead (Vl.4)
A alquimista Sydney Sage não é mais a mesma. Criada desde criança para desprezar os vampiros, ela acabou vencendo seus preconceitos em sua última missão. Aos poucos, a garota não só criou laços de amizade com esses seres como acabou se apaixonando por um deles - o irresistível Adrian Ivashkov - e, surpreendendo até a si mesma, decidiu levar o relacionamento proibido adiante, em segredo. Tudo se complica quando Zoe, sua irmã, se junta à missão. Apesar de querer resgatar a amizade entre elas, Sydney precisa guardar seu segredo enquanto tenta fazer com que a caçula perceba como as crenças alquimistas estão equivocadas. Enquanto isso, Adrian sofre com os fortes efeitos do espírito - um elemento mágico que, ao mesmo tempo em que lhe confere poderes, como curar as pessoas, pode levá-lo à loucura, através de alucinações e mudanças de humor extremas. Sydney é seu maior incentivo para abrir mão desses poderes e buscar uma saúde mental equilibrada, mas Adrian nem consegue imaginar como seria vê-la machucada e não poder fazer nada. Neste quarto volume da série Bloodlines, ele precisa escolher entre sua sanidade e a capacidade de ajudar a todos - especialmente aqueles que ama.

Livro
A Caverna das Maravilhas - Matthew J. Kirby (Vl. 5)
A próxima parada da série Infinity Ring é na Bagdá de 1258. É para lá que o Anel do Infinito manda Sera, Dak e Riq, com o objetivo de corrigir mais uma falha histórica em sua missão de salvar a humanidade. Em meio a caravanas de mercadores e feiras onde são vendidos perfumes, sedas, tapetes e especiarias, os três aventureiros precisam descobrir um jeito de impedir a destruição de uma das maiores bibliotecas da época.
Os mongóis estão cada vez mais perto, e o cerco a Bagdá é inevitável. Pelo que Dak sabe, os invasores vão jogar todos os livros da cidade no rio Tigre, até deixá-lo preto de tanta tinta! Mas a importância dessas páginas vai além da preservação de documentos históricos: sem as informações contidas ali, os três viajantes do tempo não poderão continuar a missão, e tudo o que eles conseguiram até então irá por água abaixo. Neste quinto volume da série, os riscos são maiores do que nunca.


Oi, gente! Como vocês estão? Hoje temos aqui no PL mais uma edição da Caixa de Correio, que mostra os livros que andamos recebendo recentemente. Todos esse foram recebidos pelas editoras parceiras, já que a última edição mostrou nossas compras. Não esqueçam de nos contar depois, nos comentários, quais vocês já leram e quais estão na sua lista de desejos, ok?  

A Hora da Verdade chegou da Editora Modo, e, da Editora Intrínseca, recebemos A Verdade Sobre Nós.


Esse kit ma-ra-vi-lho-so chegou da Editora Novo Conceito, do livro Se Eu Ficar. Junto com o livro, recebemos um balde personalizado e um pacote de pipoca, além de duas caixas de lencinhos (que, sim, foram necessárias!). A história faz jus ao kit, prometo, e vocês podem conferir a resenha que saiu no blog esses dias para saber mais. 


Da autora nacional, Marina Carvalho, chegou a continuação de Simplesmente Ana, De repente, Ana. E, do selo #irado, Infinity Drake: Os Filhos da Scarlatti. 


Outro kit super caprichado foi o de A Menina Mais Fria de Coldtown, que é a leitura atual da Letícia. O kit veio com um chaveirinho. 


O new-adult Perdendo-me e o nacional A Namorada do Meu Amigo foram outros dois que chegaram aqui.


E, por fim, o super kit de As Sete Irmãs, da Lucinda Riley. O kit é lindo, e o mais interessante é que veio com um DVD com um documentário sobre o construção do Cristo Redentor, além da caixinha personalizada. 


LOMBADAS!


.